Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

riscos_e_rabiscos

.

.

* In the mood for... red lips! *

Gosto de batons vermelhos e em tempos tive um vermelho framboesa lindo de morrer. Gosto deles com brilho, mate ou "normais". São fortes, fantásticos e dão um ar "je ne sais quoi" a quem os usa. Mas é preciso sabê-los usar e nem a todas as girls fica bem, na minha opinião.

 

Em tempos idos, eu era uma rapariga que não saía de casa sem olhos e lábios pintados. Era uma maquilhagem natural e básica mas andava sempre com bom ar. Um dia, desleixei-me. Não me perguntem, quando e nem o porquê mas aconteceu. Nunca fui super vaidosa mas sempre tive um quê de vaidade quanto baste. 

 

Não sei se foram os desgostos e pontapés da vida que me atiraram para este desleixo, se o facto da minha visão ter piorado e eu ter de passar a usar óculos permanentemente, das minhas finanças terem sofrido uma diminuição chocante ou se isto tudo não passa de uma série de desculpas esfarrapadas para justficar este meu desleixo.

 

Neste momento apetecia-me ter um batom vermelho. Daqueles lindos de morrer e que fizessem sobressair ainda mais os meus olhos azuis. Se é que esta velha carcaça ainda tem alguma graça. 

 

Mas depois interrogo-me "mas onde o iria usar?", pois a minha vida social é nula, não vou a lado nenhum e nem ninguém me convida para sair. Não vou dar aulas com os lábios pintados de vermelho, não me parece adequado e nem sei se me sentiria bem naquela escola pois é tudo muito "cinzento".

 

Ainda não será desta que irei ter o meu red lipstick fantástico. Até que chegue a sua vez, continuarei a por os meus nude até que acabem. Mas só de vez em quando!

redlips.jpg

 

 

 

* Mas que é isto?! *

Estava eu farta de apregoar aos sete ventos "Ah eu este ano ainda não senti frio..!". E era verdade. Até hoje. Ora assim em jeito de vingança, o frio veio em força acompanhado do seu compincha vento para me tratarem da saúde!

 

O que vale é que eu já previa este cenário e levei o meu super escudo impenetrável contra o frio, entenda-se kispo, e não fui atingida. Ou não fui atingida quase nada... Se eu não tivesse uma cabeça de alho chocho, tinha-me lembrado de levar um capacete de mota para não me congelarem os neurórios, para impedir o vento de me querer arrancar os meus três cabelos do alto da pinha e evitar que o meu nariz criasse as estalactites que trouxe para casa!

 

Amanhã se o tempo se fizer sentir com igual frieza, é assim que vou sair de casa!

esquenta_nariz_3.jpg

 

 

* Descobri! *

Anteontem acordei super cansada mas sem motivo aparente. Tinha-me deitado cedo, não tinha tido insónias, estava de "férias" e não tinha feito nada que me pudesse deixar muito cansada.

 

Não conseguia arranjar uma explicação e isto estava a deixar-me a pensar. Andei o dia inteiro a matutar no assunto mas não cheguei a conclusão nenhuma.

 

Ontem, ao deitar a cabeça na almofada, fez-se luz! Finalmente veio-me à mente o porquê de tanto cansaço! :D

 

Se bem se lembram, costumo ter sonhos do mais parvo possível e desta vez foi o que aconteceu... Sonhei que tinha ido à farmácia comprar medicamentos para os olhos e que por um motivo qualquer tinha saído às pressas de lá. Já tinha passado bastante tempo quando dei por falta da minha mala com os medicamentos, carteira e documentos. Lá fui eu à farmácia ver se lá estava mas... entretanto tinha-me esquecido a que farmácia tinha ido!!! Relax, ainda não cheguei a este ponto, só no sonho! :P

 

Corri não sei quantas farmácias e nada, até fui a umas retrosarias e nada... Se encontrei a mala? Pois não vos sei dizer, o despertador entretanto tocou! Opá! :P

sleep.jpg

 

 

* Finalmente a rotina! *

Lá desapareci mais uns tempinhos, é verdade. A seu tempo vou contar o que se tem passado nestes últimos tempos que me fizeram desaparecer de novo.

Quando não se consegue ter tempo para tudo, há que parar e reorganizar prioridades. Foi o que fiz. 

Amanhã volto à minha rotina com o meu dia mais complicado da semana e que eu costumo designar como a minha sexta feira. Sim, é assim que o sinto, ao fim do dia o cansaço é tal que me faz sentir como se já estivesse na sexta-feira!

back.jpg